Quero ir para o Canadá. Me ajuda?

Recebo praticamente toda semana amigos e conhecidos me enviando algo bem similar ao título deste post, e por isso resolvi publicar o que acredito serem importantes orientações ou esclarecimentos de uma forma estruturada podendo talvez, ajudar mais pessoas.

Eu já estive nesta mesma posição com esta pergunta e sei o quanto é frustrante buscar uma resposta simples, direta, que resolva toda ansiedade e não encontrar. Na maioria das vezes sempre me deparando com informações desencontradas, ou tudo muito complexo.

A verdade é que quando se trata de imigração, começar sua vida do zero, nada é simples, nada é direto e muito menos remédio para ansiedade.

Então vamos aos tópicos que estruturei tentando na mais humilde posição realmente ajudar quem se interessa, então leia até o final.

IMPORTANTE: Se você quer se mudar de um país e não consegue ler um post de blog com atenção, calma e por completo, pode desistir por aqui mesmo, pois você não almeja isso de verdade.

Mudar rápido para o Canadá

Esta palavra “rápido” está sempre presente em 90% das pessoas que me abordam, nada de errado em querer resolver as coisas rápido, mas dependendo da intensidade e do controle do ímpeto isso revela geralmente várias outras questões e até problemas que precisam ser compreendidos, analisados e resolvidos antes de tomar uma decisão de imigrar.

Rápido em imigração é sinônimo de risco, quanto mais rápido maior as chances de você errar e as coisas não darem certo.

Não estou querendo te desencorajar, na realidade quero trazer a verdade e te deixar consciente do que vai enfrentar e se decidir continuar, você realmente é um grande candidato a mais um brasileiro vencedor fora do Brasil.

Entenda a essência da imigração Canadense

O Canadá é um país novo, moderno, crescendo a todo vapor que precisa de pessoas, mas o detalhe importante é que o país não quer qualquer pessoa. Não é somente sua vontade de trabalhar e ganhar dinheiro que vai te colocar aqui.

O sistema de imigração canadense cada dia mais tende em filtrar os famosos “parasitas”, pessoas que vão para outro país trabalhar de qualquer coisa, fazer dinheiro com objetivo de voltar para seu país de origem. Então se esse é o seu propósito, existe uma grande chance de o Canadá não ser a melhor opção para você, existem outros países por aí que facilitam mais a conquista deste objetivo.

Existem hoje dezenas de formas de se imigrar para o Canadá, não vou entrar em detalhes até porque não sou consultor de imigração e muito menos especialista, mas posso dizer que o Canadá é bem flexível quanto a legalização (não entenda isso como fácil, pois não é) , então será possível você ter plano “A”, “B” e as vezes até o “C”.

Na minha humilde opinião “qualificação” e “adaptabilidade” é a base do seu sucesso no Canadá.

Requisitos básicos para aumentar suas chances

Existem alguns pilares importantes e talvez até vitais para que seu plano de imigração dê certo, eu listei eles na minha opinião em ordem de prioridade:

  1. Nível de Inglês
  2. Dinheiro
  3. Conhecimento do país
  4. Disposição de começar do zero
  5. Disposição de ficar longe de velhos amigos e familiares por anos
  6. Mente aberta para experimentar novas culinárias (Já ouvi dizer de pessoas voltando para o Brasil por causa da coxinha. rsrs)
  7. Desejo de contribuir para a sociedade onde vai viver e não só de querer algo para você
  8. Desejo de se desafiar, testar seus limites profissionais, emocionais e psicológicos

Digamos que você tenha que dar uma nota de 0 a 10 aos pontos acima, quanto mais próximo de 10, maiores são suas chances de dar certo. Isso não quer dizer que se hoje você não tem uma reserva financeira, você não possa se organizar para tê-la, não é mesmo? Não é preciso ser rico para imigrar, e este não é o foco principal do sistema de imigração do Canadá, mas é preciso sim ter um fundo de emergência e uma grana para investir em você até que tudo se organize.

Entenda que, quanto menor seu nível de inglês, maior será sua dificuldade de adaptação e isso reflete diretamente no quanto de grana você precisa trazer, então se seu inglês é zero, é mais barato você pegar firme nos estudos ai no Brasil, pagar um professor particular, estudar todos os dias por 1 ano do que vir com a cara e a coragem sem saber nada, você só está aumentando as chances do seu projeto não dar certo.

Faça uma avaliação sincera e nos pontos que você ficou bem baixo, se realmente quer imigrar basta investir em você e aumentá-los, tudo é questão de preparação.

Consigo ir para trabalhar diretamente?

Se você é da área de T.I., Design, Marketing ou executivo de multinacional com nível de inglês avançado existem várias oportunidades para ser contratado do seu país de origem com sponsor (patrocínio) do seu visto.

Uma outra possibilidade é se você tem formação de alto nível (doutorado, PHD…), muita experiência profissional no mercado ou no campo de pesquisa cientifica.

Áreas relacionadas a saúde é bem mais complicado, em 99% das vezes é preciso estudar praticamente tudo de novo aqui para se recolocar profissionalmente.

Agora se você não se encaixa nas circunstancias acima, o caminho geralmente é vir estudar em uma faculdade com direito de trabalhar 20 horas por semana e presencialmente aqui conseguir sua oportunidade profissional, mesmo que não seja na sua área de costume no Brasil.

Ai você pode pensar:

“Poxa Bruno, então não consigo sair do Brasil com visto de turismo e arrumar emprego ai de qualquer coisa?”

Não. Desculpa. Se você quer imigrar para o Canadá, este não é o caminho e nem a mentalidade certa. Você vai ir contra tudo que o sistema de imigração canadense quer, então saiba que vai ser MUITO difícil, perto do impossível.

Qual o tempo de organização e planejamento para imigrar?

Vamos ser sinceros, não existe uma regra aqui, é apenas minha opinião. Eu acredito que no mínimo 1 ano e, o ideal seja entre 2/3 anos contados do momento que você realmente decide que é isso que você quer.

É um bom tempo para conquistar um nível de inglês aceitável (se você estudar muito), guardar uma boa grana, aproveitar muito sua família, vender suas coisas, organizar seus documentos entre outros.

Existe muita coisa a se fazer quando se toma a decisão de imigrar para outro país, aqui é claro estou falando de quem quer fazer as coisas para darem certo, do jeito correto.

Esse período de preparação é muito importante para seu psicológico, vai te dar a confiança necessária para chegar vencendo e não sofrendo.

Eu consigo?

Eu acredito que qualquer pessoa que esteja disposta a estudar, se organizar e começar a vida do zero consegue sim. Não importa se você é rico ou pobre!

Tudo é uma questão de foco, e se você leu todo o post e esta refletindo é um bom sinal, pois se ainda assim estiver disposto a imigrar, você é um candidato vencedor por aqui.

Nunca desista do seu sonho, mas entenda que sonhar apenas não te leva a nenhum lugar, é preciso agir, peitar os desafios, respirar fundo e fazer acontecer.

Conheço amigos que tinham uma vida simples, vendiam lanche na porta da igreja nos finais de semana para mudarem de país, conseguiram e estão muito bem.

Espero ter ajudado!

Bônus – Fonte de informações e empresas que indico

 

GRÁTIS! CADASTRE-SE E RECEBA ALERTAS DE NOVOS POSTS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Totalmente Grátis! Cadastre-se e receba novidades do blog.
  • Receba tudo em primeira mão;
  • Alerta de novos posts;
  • Novidades exclusivas;
  • Sem SPAM, respeitamos sua privacidade.

Preencha o formulário abaixo:

GRÁTIS! Clique aqui e cadastre-se.